Homem mata tia, arranca seu coração e entrega para a filha da vítima de 7 anos

Religiosa, tia descobriu que sobrinho era usuário de drogas e o expulsou de casa(Foto:Reprodução)
Um homem de 28 anos foi preso acusado de matar a própria tia a facadas, arrancado o coração dela e levado o órgão para a filha da vítima que mora em Sorriso, no Mato Grosso. Lumar Lopes confessou o crime à família e foi levado à delegacia da Polícia Civil, na noite de terça-feira (3).

Maria Zélia da Silva, de 55 anos, teve o coração arrancado dentro de sua casa, localizada no bairro Vila Bela. Segundo a polícia, Lopes morava em São Paulo e foi para Sorriso ficar hospedado na casa da tia. Após Maria Zélia ter descoberto que o sobrinho era usuário de drogas, o agressor saiu da casa da familiar e foi morar em uma quitinete temporariamente.

“A vítima era uma pessoa muito religiosa e não aceitava uso de entorpecentes, e ainda ouvia algumas músicas, que a tia não gostava e, portanto, pediu para ele deixar a casa. Isso foi deixando-o revoltado, ocasionando essa situação”, informou o delegado André Eduardo Ribeiro.

De acordo com a filha da vítima, Patrícia Cosmo, o primo chegou com a sacola, pediu que entregasse à filha dela de sete anos e deixou o órgão em um tanque de lavar roupas. Lopes ainda teria ameaçado a prima para que entregasse as chaves do veículo dela, saiu da cidade e bateu o carro em um transformador de energia.

Em nota, a Polícia Civil informou que o suspeito tentou colocar fogo no veículo e seguiu andando a pé até ser abordado pelos policiais. Segundo os militares, Lopes estava há quatro dias na cidade e havia saído de São Paulo após ameaçar a mãe e outros familiares com um facão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *